Chuva tem papel determinante na tumultuada corrida 2. Farfus é acertado e forçado a abandonar

Clima instável marcou as atividades deste domingo em Hockenheim, no complemento da primeira etapa da temporada

Se na primeira corrida da temporada do DTM as disputas por posições foram limpas, em sua maioria, e todos os pilotos completaram a prova, o mesmo não pode ser dito da corrida deste domingo (7). Dos 18 pilotos do grid, cinco foram obrigados a abandonar após avarias em seus carros, incluindo o brasileiro Augusto Farfus, que foi acertado por um adversário na relargada depois da saída do safety-car, na volta 4. A vitória ficou com Jamie Green (Audi), com Gary Paffett (Mercedes) em 2º e Marco Wittmann (BMW) em 3º, com as três montadoras novamente representadas no pódio.

A chuva teve um papel determinante nas atividades deste domingo. A classificação começou com pista molhada, mas foi secando ao longo da sessão, assim, os pilotos esperaram os últimos minutos para marcarem suas voltas. Farfus veio em uma ótima volta e garantiu a 2ª posição no grid de largada, ao lado do pole position Timo Glock, mas logo em seguida, os comissários anunciaram a perda dessa melhor volta do brasileiro, por considerarem que ele abriu a volta após o cronômetro zerado, e então ele ficou com o tempo que havia feito com pista molhada, na 18ª posição.

Na corrida, uma confusão na largada causou a entrada do safety-car, e o abandono de Robert Wickens. Isso também ocasionou pela primeira vez a nova relargada com duas fileiras paralelas, e não mais em fila indiana. E aí, mais uma confusão no meio do pelotão fez suas vítimas. René Rast acabou rodando e tocando em outros pilotos, incluindo Farfus – que já estava em 12º -, causando o abandono imediato de Loic Duval e do próprio Rast, além de Maxime Martin, que também parou nessa volta. O brasileiro ainda continuou na pista por mais algumas voltas, mas estava com o carro muito danificado e teve de recolher para os boxes na volta 12.

Na segunda metade da prova, a chuva veio e tumultuou ainda mais a disputa. Diversos pilotos tiveram que parar mais de uma vez nos boxes, para colocarem pneus de chuva, pois já tinham feito suas paradas obrigatórias. Jamie Green assumiu a liderança, e mesmo tendo de pagar uma punição de 5 segundos por ter queimado a relargada, conseguiu garantir a vitória, após 32 voltas.

Apesar do infortúnio neste domingo, e de ter saído de Hockenheim sem pontos, Augusto Farfus já pensa em seu próximo desafio no DTM. A segunda rodada dupla do campeonato acontece entre os dias 19 e 21 de maio, em Lausitzring, na Alemanha.

Augusto Farfus:

“Foi um fim de semana difícil. Hoje conseguimos uma ótima volta na classificação, que nos foi tirada por causa de alguns milésimos de segundo. Depois, a largada e a relargada foram super caóticas, com contatos de todos os lados, e numa dessas meu carro foi muito danificado, e não deu para continuar. Foi uma pena, pois nosso ritmo de corrida era bom e tínhamos potencial para buscarmos alguns pontos, mas vamos para a próxima ainda mais fortes.”

311394 701994 img 6671 300x200 - Chuva tem papel determinante na tumultuada corrida 2. Farfus é acertado e forçado a abandonar
Clima instável influenciou as atividades deste domingo em Hockenheim
BMW
311394 701993 img 6672 300x200 - Chuva tem papel determinante na tumultuada corrida 2. Farfus é acertado e forçado a abandonar
Corrida 2 da primeira etapa foi tumultuada, com diversos incidentes
BMW

311394 701992 img 6670 300x200 - Chuva tem papel determinante na tumultuada corrida 2. Farfus é acertado e forçado a abandonar

Augusto Farfus foi acertado na relargada e teve de abandonar a disputa
BMW

311394 701991 img 6674 300x200 - Chuva tem papel determinante na tumultuada corrida 2. Farfus é acertado e forçado a abandonar
Na classificação, Farfus fez o 2º melhor tempo, mas teve sua volta invalidada
BMW